Informação: Manuel de Araújo promete pedir a demissão de Nyusi


O Presidente do Conselho Autárquico de Quelimane, Manuel de Araújo desafiou este sábado, o Presidente da república Filipe Nyusi a demitir com efeitos imediatos o Comandante Geral da PRM Bernardino Rafael.





O desafio de Manuel de Araújo surge em virtude de o presidente do conselho municipal de Mocímboa da Praia ter decretado estado de emergência, na sequencia dos ataques de malfeitores que vem tirando o sono aos moradores daquele distrito situado a norte de Cabo Delgado, decreto confirmado e defendido oficialmente pelo Comandante Geral da PRM Bernardino Rafael.

No entender de Manuel de Araújo, não existe necessidade de se decretar estado de emergência perante uma situação que, segundo as suas palavras, pode ser resolvida, até porque, segundo defendeu, os governantes sabem quem são os malfeitores que tem vindo a tirar as vidas aos moradores daquele distrito e conhecem as reais motivações que os levam a tomar tais atitudes.





Para Manuel de Araújo, um comandante geral que legaliza uma ilegalidade não é bem-vindo num país que se pretende estado de direito democrático “nós estamos a pedir que o senhor comandante geral da PRM se demita do cargo que ostenta porque não está a satisfazer os anseios da sociedade moçambicana. Desde a sua promoção ao cargo de comandante geral ele só está a cometer gafes. Para além de promover abusos aos direitos humanos um pouco por todo o país, ele acabou de mostrar sua burrice ao apoiar a gafe cometida pelo meu colega presidente do conselho municipal da Mocímboa da Praia, portanto, não nos resta nada se não pedir que ele se demita”- sentenciou.


Doravante, Manuel de Araújo disse que a solução para todos os problemas que estão a ser vividos pelo povo moçambicano passa necessariamente pela demissão imediata de Bernardino Rafael do cargo de comandante geral da PRM, dado que, segundo a sua justificação, o homem não está capacitado para exercer as funções que desempenha “não existe outra opção, o comandante geral deve se demitir porque já mostrou a sua incapacidade.





Se ele não pede demissão, o Presidente Nyusi deve demiti-lo. Se o presidente Nyusi não o fizer, então nós vamos começar a pedir a demissão do próprio presidente da república”- rematou Manuel de Araújo.

Na mesma ordem de ideias, Manuel de Araújo aconselhou o primeiro-ministro da república de Moçambique, a efetuar uma remodelação no seu gabinete jurídico, visto que, para o edil da quarta cidade capital mais importante do país, todos os técnicos afetos ao gabinete jurídico do primeiro-ministro são funcionários ‘lambe-botas’ e não aconselham o primeiro-ministro de acordo com os princípios jurídicos em vigor no país “o primeiro-ministro é uma pessoa que eu respeito bastante, mas desta vez mostrou-me que fez uma escolha muito errada dos funcionários para o seu gabinete jurídico. O recado que mando ao Primeiro-ministro é: deve demitir todos os membros do gabinete jurídico, porque o país não precisa de funcionários lambe-botas” – frisou

Manuel de Araújo foi mais longe ao afirmar que Carlos Agostinho do Rosário deve mostrar a sua postura profissional, sob pena de por em causa o seu posto de Primeiro-ministro “o Doutor Carlos Agostinho do Rosário deve fazer esse trabalho no seu gabinete jurídico. Sem não consegue dissolver o seu gabinete jurídico, pode voltar para a diplomacia, porque governar não é para qualquer pessoa” – vociferou

Jovens da cidade de Quelimane, no centro de Moçambique, organizaram um torneio quadrangular de futebol recreativo, em solidariedade com o presidente do conselho municipal daquela cidade, pelas decisões tomadas pelo conselho de ministros e pelo tribunal administrativo, que culminaram com a perda de mandato daquele Edil, no passado mês de Janeiro, cedendo a gestão da máquina municipal a Domingos de Albuquerque, presidente da assembleia municipal daquela cidade.

Jornal Makholo – 12.02.2019



Informação: Manuel de Araújo promete pedir a demissão de Nyusi Informação: Manuel de Araújo promete pedir a demissão de Nyusi Reviewed by Z on fevereiro 14, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário